Jezabel de 17 a 21 de Junho de 2019

Segunda, 17 de Junho Capítulo 40

Jezabel e sua comitiva levam pães já cortados para o povo de Samaria. Jezabel diz ao povo que isso é uma dádiva dos deuses fenícios. O povo grita em coro um sonoro “viva a rainha”. Aisha está com Acabe no leito e pergunta se ele está ouvindo o barulho de fora. Aisha diz que o povo está sendo manipulado por Jezabel. Acabe diz que Deus os abandonou. Zedequias ouve a conversa. Raquel leva um pedaço de pão para casa e Yarin pergunta onde ela conseguiu o alimento. Raquel confessa que roubou o pedaço de pão do templo de Baal. Obadias entra no palácio com dois cachorros enormes. Obadias diz a Acabe que são presentes do rei Onri ao rei Etbaal. Jezabel contrariada diz que não quer os animais no palácio. Acabe acaricia os cães e diz que eles ficarão no palácio. Sidônio beija Joana que fica mexida. Acabe chama Obadias, Hannibal e Barzilai e diz que fez o decreto de que todos em Israel devem adorar Baal e Aserá. Hannibal feliz, Odadias abatido ainda mais com o decreto. Jezabel sorri. Jezabel convida Tadeu para irem ao palácio novo. Aisha conversa com Jaali e Getúlia e diz que Acabe nunca lhe obrigará a cultuar outros deuses. Aisha sente um dor muito forte. Ela olha para suas vestes e vê uma mancha de sangue e se assusta. Queila muito nervosa, tentando dar de beber a Baruch que está mole, febril. Queila volta do aposento, sem notar que Baruch está caído no chão. Queila percebe que Barcuh está desacordado e tenta socorrê-lo, desesperada. Queila encosta o ouvido na direção do coração de Baruch e estarrecida, constata sua morte.

Terça, 18 de Junho Capítulo 41

Queila em profundo sofrimento, chorando muito, fala com o filho morto. Hanniball na sala do trono diante de Acabe e Jezabel, diz que vai partir com Adad para Sarepta. Jezabel ordena que não falhe e traga Elias vivo. O médico diz à Aihsa que o seu estado inspira muito cuidado. Jezabel com um leve sorriso nos lábios. Elias chega e se depara com a desolação de Queila agarrada a Baruch, morto no chão. Queila olha com revolta para o profeta. Elias pega a criança no colo e o leva para o aposento e o coloca sobre o leito. Elias ora a Deus para que ressuscite a criança. Na sala, Queila está aos prantos, no chão. Deus ressuscita Baruch através da oração de Elias. Baruch grita pela mãe. Baruch vai correndo até Queila que fica assombrada com o que vê. Samira diz à Joana que ela está se esquecendo de quem ela é. Dido e Batnoam zombam dela. Sidônio propõe que Joana fuja do palácio. Joana com receio, fica pensativa. Obadias procura por Joana no palácio e não a encontra. Phineas acoberta a fuga de Sidônio e Joana do palácio. Eliseu e mais profetas sobrem o Monte Carmelo para orar ao Senhor. Barzilai, Emanuel, Micaías e Raquel chorando copiosamente. Elias está na fachada da casa de Queila, ouve uma voz dizendo que enviará chuva sobre a terra. Elias abre um largo sorriso e olha para o céu.

Quarta, 19 de Junho Capítulo 42

Baruch está brincando próximo de casa e Queila o observa. Baruch sai correndo. Hannibal, Adad e mais soldados entram na cidade. Queila chama por Baruch que já se afastou bastante. Queila corre atrás do filho, mas Hannibal é mais veloz, montado em seu cavalo e recolhe Baruch do chão. Queila grita desesperada. Obadias pergunta para Sidônio onde levou sua filha. Sidônio responde que Joana saiu do palácio por conta própria. Acabe avisa à Aisha que vai cavalgar com Obadias e pede que obedeça às ordens médicas. Sidônio diz a Phineas que a presença de Joana na taberna tem que ser mantida em segredo. Raquel quer conversar com Micaías, mas ele não lhe dá atenção. Raquel chora e seu pai percebe. Jezabel e Tadeu com vestes fenícias, entram na sala do trono. Tadeu pergunta à Jezabel quando poderá ver sua família, ela responde que após tomar seu banho. Jezabel se vira e vai retirando suas roupas. Tadeu, surpreso, desvia o olhar. Obadias cansado, cavalgando ao lado do soldado e não encontra pasto. Obadias faz menção de voltar, mas percebe alguém ao longe. Obadias encontra com Elias. Hannibal vai até a casa de Barzilai e diz que não encontrou Elias, mas encontrou Queila e Baruch. Odadias diz a Acabe que não encontrou nada, estava tudo seco, sem vida. Obadias diz que encontrou Elias e que ele quer fala com o rei. Acabe chega em Elias, desmonta do cavalo e se aproxima dele.

Quinta, 20 de Junho Capítulo 43

Elias e Acabe se encaram. Elias diz a Acabe que ele não confiou no Senhor e se uniu a Baal. Acabe diz que fez isso para salvar Israel das mãos dos assírios. Elias desafia Acabe e pede para reunir o povo de Israel no Monte Carmelo e também quatrocentos e cinquenta sacerdotes de Baal e mais quatrocentos do poste-ídolo de Aserá. Acabe questiona se é para morrerem em martírio. Elias o desafia, dás as costas para Acabe e parte. Acabe o observa confuso. Hannibal conta a Barzilai que Queila e Baruch estão escondidos perto de Samaria. Barzilai sorri, emocionado. Samira pede a Miguel que pressione Sidônio para dizer o paradeiro de Joana. Sidônio parte para Jezreel e se despede de Joana com um beijo. Jezabel e Tadeu visita a casa de Nabote. Hannah fica furiosa com a presença da rainha. Jaali diz à Aisha que Dido é amante do rei. Barzilai vai ao encontro de Queila que fica emocionada ao vê-lo. Barzilai diz que ela e Baruch precisam entrar na cidade. Barzilai os leva para a entrada dos portões e ele diz que eles precisam entrar sozinhos, e que ele segue logo atrás. Micaías vai até a casa de Raquel e lhe pede perdão. Os dois num impulso se abraçam, emocionados. Hannah com ciúme de Tadeu diz que irá voltar para a casa dos pais. Queila está hospedada na casa de Barzilai. Ela aproveita e diz toda a verdade para Barzilai, que Barcuh é filho de Hannibal e que por isso ele não vai denuncia-la para Jezabel. Barzilai fica chocado.

Sexta, 21 de Junho Capítulo 44

Barzilai fica decepcionado com Queila ao saber que Baruch é filho de Hannibal. Barzilai diz a Levi, Queila e Baruch que Elias convocou a todos para irem ao Monte Carmelo. Acabe chega ao Monte Carmelo e encontra com Elias. Elias se encaminha para uma área mais destacada e se dirige aos israelitas e diz em voz alta que todos vão testemunhar que há apenas um Deus. Pigmaleão e Thanit rebatem a afirmação de Elias. Elias e Acabe se desafiam. Elias pede que tragam dois bezerros, dividam em pedaços e coloque sobre a lenha, mas não coloquem fogo ainda. Pigmaleão e Thanit questionam que desafio é esse. Elias diz a Pigmaleão e Thanit que invoquem a Baal e que ele invocará a Deus e quem responder com fogo na lenha, este será o Deus verdadeiro. Acabe fica visivelmente incomodado com o que vê. Elias debocha dos sacerdotes e sacerdotisas de Baal e Aserá e pedem que gritem mais alto. Elias pede ao povo que se aproxime. Ele restaura o altar, enquanto os profetas de Baal estão no chão cansados ou passando mal. Elias pede que derramem água sobre o holocausto e sobre a lenha. Elias de joelho diante do altar, clama a Deus. Um grosso feixe de fogo cai sobre o holocausto consumindo a lenha e as pedras, inclusive a água, formando um círculo de fogo ao redor do altar. Todos se maravilham, as mulheres se abraçam e os soldados vibram, enquanto Acabe fica perplexo. Às margens do rio Quisom, Elias se aproxima de Pigmaleão e Thanit com uma espada na mão e diz que eles enganaram e cegaram o povo de Israel e que pagarão por suas abominações. Elias enfiam a espada na barriga de Pigmaleão que cai morto. Depois retira a espada e mata Thanit e um a um todos os sacerdotes e sacerdotisas de Ball e Aserá. Acabe, Obadias, IB e Barzilai passam pelos corpos em direção a subida ao Monte. Tadeu acorda ao lado de Zezabel sem roupa, e não se lembra de nada que aconteceu. Acabe se preparando para partir de volta ao palácio. Acabe ordena que Obadias volte para Samaria e avise a todos da vitória de Elias. Acabe diz que vai voltar para Jezreel e dará a notícia para Jezabel. Uma chuva forte cai e Elias montado em um cavalo diz a Acabe que vai guia-lo até Jezreel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *