Meu Nome É Liberdade

The Book of Negroes é uma minissérie baseada no romance homônimo do escritor canadense Lawrence Hill . O livro, por sua vez, deriva suas origens do documento histórico Book of Negroes , e conta a história de uma mulher fictícia trazida à Carolina do Sul pela África Ocidental na época da Revolução Americana . Clement Virgo e Hill colaboraram na redação da minissérie em seis partes, com Virgem também dirigindo. Ele estreou no CBC no Canadá em 7 de janeiro de 2015 e no BET nos Estados Unidos em 16 de fevereiro de 2015.
Sinopse: Em 1750, Aminata Diallo, de onze anos, é raptada de sua aldeia na África Ocidental, algemada e mandada para o outro lado do oceano para ser vendida como escrava em uma plantação de índigo da Carolina do Sul pela VOC, uma empresa comercial holandesa. Ela se apaixona e se casa com um companheiro de escravos da África Ocidental chamado Chekura, mas quando seu bebê é brutalmente seqüestrado e vendido pelo ciumento mestre de escravos, Robinson Appleby, Aminata promete voltar um dia para sua terra natal. Solomon Lindo, um simpático inspetor índigo, tira Aminata da escravidão de Appleby e a leva para Nova York, onde ela escapa. Em meio à crescente ameaça da Guerra da Independência Americana, ela é recrutada por Sir John Clarkson para ajudar a registrar nomes de partidários negros em um livro conhecido como O Livro dos Negros , concedendo-lhes liberdade e passagem para a Nova Escócia. Separada de seu marido, Aminata encontra mais dificuldades na Nova Escócia, quando as tensões se intensificam entre as comunidades branca e negra sobre a escassez de trabalho nos distúrbios de Shelburne . Aminata faz uma petição com sucesso aos abolicionistas britânicos, que organizam a passagem para a África por 1.200 ex-escravos – uma viagem final que a reunirá com sua terra natal e permitirá que ela dê voz à sua história de vida.
Saiba mais sobre a minissérie Meu Nome É Liberdade