Rebelde Brasil

Rebelde é uma telenovela brasileira exibida pela RecordTV de 21 de março de 2011 a 12 de outubro de 2012. Teve 410 capítulos, 30 a menos que a versão mexicana, que teve 440 capítulos. Produzida pela Record e pela empresa mexicana Televisa, escrita por Margareth Boury e dirigida por Ivan Zettel, é inspirada na telenovela mexicana de mesmo nome Rebelde escrita por Pedro Damián, que, por sua vez, havia sido inspirada na telenovela argentina Rebelde Way, criada por Cris Morena. É uma obra representativa na história da teledramaturgia da Record por, além de ser a segunda parceria com a emissora mexicana, retomar a produção e exibição de duas telenovelas simultâneas em sua programação e ser a primeira de seu gênero a ser produzida em alta definição. Por causa da baixa audiência em sua segunda fase, a direção da emissora havia antecipado o encerramento da novela para março de 2013 e depois anunciado para novembro de 2012, decidindo pelo término em 12 de outubro. Como consequência, a trama perdeu 15 minutos, preenchidos por uma edição do programa Tudo a Ver.
Lua Blanco, Arthur Aguiar, Melanie Fronckowiak, Chay Suede, Sophia Abrahão e Micael Borges interpretam os papéis principais, numa trama que narra o cotidiano de seis adolescentes que estudam num colégio em regime de semi-internato e enfrentam os “dramas” típicos do período, como a descoberta do primeiro amor, os conflitos de autoimagem, o desenvolvimento de distúrbios alimentares, o relacionamento conflituoso com os pais, o bullying e o alcoolismo. Os nomes dos personagens e seus perfis foram levemente alterados por Boury, o que causou certa controvérsia entre os fãs da versão mexicana, que fora bastante popular no Brasil durante sua exibição. Na trama, os seis principais personagens formam uma banda fictícia denominada “Rebeldes” – e os seis atores que os interpretaram formaram, consequentemente, uma banda de mesmo nome, fazendo apresentações por todo Brasil, cujo primeiro álbum da banda vendeu mais de 115 mil cópias, recebendo disco de ouro e de platina duplo. Já o segundo álbum, gravado ao vivo em São Paulo em formato de CD/DVD, alcançou uma vendagem total de 140 mil cópias e foi certificado com um disco de ouro e de platina duplo. A banda lançou o terceiro e último álbum em dezembro de 2012.