Tempos Modernos

Tempos Modernos é uma telenovela brasileira produzida pela Rede Globo, cuja exibição ocorreu entre 11 de janeiro e 16 de julho de 2010, substituindo Caras & Bocas e sendo substituída por Ti Ti Ti, totalizando 161 capítulos. Foi a 76ª “novela das sete” exibida pela emissora e a primeira trama do horário a ser exibida na década de 2010. Idealizada por Bosco Brasil, foi escrita pelo próprio com a colaboração de Maria Elisa Berredo, Mário Teixeira, Izabel de Oliveira e Patrícia Moretzsohn, sob a supervisão de texto de Aguinaldo Silva. Sua direção ficou a cargo de Paulo Silvestrini, Carlo Milani e Luciana Oliveira, e a direção-geral e artística de José Luiz Villamarim A classificação indicativa (DJCTQ) da novela é de livre para todos os públicos, que foi trocada para imprópria para menores de 12 anos quatro dias após o fim da trama. A cantora Myllena executou o tema de abertura, “Cérebro eletrônico”, presente em um álbum com canções nacionais lançado paralelamente ao folhetim que contou com a participação de Ana Carolina, Caetano Veloso e Cláudia Leitte. Um disco internacional também foi distribuído, com músicas de Queen, 30 Seconds to Mars e Coldplay, entre outros. O título Tempos Modernos é uma referência ao tema principal tratado na telenovela.[8] Voltada para o público em geral, a trama oscilou uma média de 24,1 pontos. Teve uma curva ascendente em sua audiência, com média de 35 pontos, e no último capítulo atingiu picos de 38. A trama recebeu análises negativas por parte da imprensa especializada. Entretanto, foi indicada a uma categoria dos Meus Prêmios Nick de 2010 e a nove categorias do 13º Prêmio Contigo! de TV. Fernanda Vasconcellos e Thiago Rodrigues interpretam os protagonista jovens da trama, enquanto Antônio Fagundes e Eliane Giardini, que davam vida à seus pais, interpretaram os protagonista do núcleo adulto, numa trama que narra a revolução tecnológica sem deixar de lado as relações humanas. Priscila Fantin, Danton Mello, Marcos Caruso, Regiane Alves, Vivianne Pasmanter, Otávio Muller, Felipe Camargo e Malu Galli desempenharam os demais papéis principais da história.